TV Brasil transmite Grande Prêmio Brasil de Atletismo

Foto de Franck Elemba (Congo), 26 anos, arremesso
A TV Brasil exibe neste sábado, dia 3, ao vivo, a partir das 13h30, o Grande Prêmio Brasil de Atletismo 2017. A competição contará com nomes importantes no cenário mundial, como os campeões olímpicos Thiago Braz (salto com vara) e Anita Wlodarczyk (lançamento do martelo), da Polônia.
Os atletas que vão participar do GP neste sábado estão no ranking do IAAF Challenge, com marcas que os colocam entre os melhores do mundo. Um deles é o jamaicano Kemarley Brown, que compete pelo Bahrein, e correu os 100 metros raso em menos de dez segundos, em 2014. No ano passado, ele foi semifinalista nos Jogos Olímpicos.
Outra presença certa no GP de Atletismo é o colombiano Jhon Fredy Murillo, que ficou em quinto lugar no salto triplo nas Olimpíadas de 2016. O nigeriano Tosin Oke, que foi finalista na Olimpíada de Londres 2012 e no Mundial de Pequim 2015, também no salto triplo, é outro que confirmou sua participação no torneio deste sábado.
O GP de Atletismo será disputado na Arena Caixa, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, e será transmitido para todo o País e para o exterior. A TV Brasil é a única tevê aberta que exibirá o torneio. A entrada é livre.
A competição terá 15 provas: salto com vara, lançamento do martelo, salto em distância, 100 metros com barreiras, arremesso de peso feminino e masculino, salto em altura, lançamento do dardo, salto triplo, 3.000 metros com obstáculos e as corridas de 100, 200, 400 e 800 metros rasos.
A TV Brasil começará a transmissão a partir das 13h30 e ficará até o final da última prova do GP Brasil, prevista para terminar às 16h30.
O GP de Atletismo faz parte do IAAF World Challenge e integra o Programa Caixa de Competições, da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), responsável pela organização, junto com a Federação Paulista de Atletismo. O patrocínio é da Caixa Econômica Federal e o apoio e da Prefeitura de São Bernardo do Campo.

Resumos de todas as novelas da Globo, SBT, Band, Record, Viva

Comentário

Veja também: