Deus Salve o Rei: Discurso de Amália salva Afonso


Afonso (Romulo Estrela) lutou pelo reino de Artena na guerra contra Montemor e o preço por esse ato de bravura foi bem alto: pena de morte! Rodolfo (Johnny Massaro), mesmo como rei, não pode intervir pela vida do irmão.
Chega o dia do fim de Afonso..O ex-príncipe, agora plebleu, é levado pra julgamento público! O povo, enfurecido, pede o enforcamento de Afonso.
Amália (Marina Ruy Barbosa) não se dá por vencida e decide intervir pela vida de seu grande amor. A ruiva faz um discurso defendendo-o.
“Afonso não lutou contra Montemor por lealdade à Artena. Mas sim por seu compromisso com a paz. Seu único interesse era manter o acordo que garantiu a água a Montemor durante tantos anos! Não foi ele quem começou essa guerra! E antes que o exército de Montemor marchasse sobre Artena, o rei Augusto (Marco Nanini) já havia aceitado retomar o acordo e normalizar o abastecimento.”
O rei, então, pede ao povo que vote pela libertação de Afonso. Aliviado ao ver o resultado, ele discursa:
“As mãos levantadas do povo são as mãos de Deus! A partir de agora, meu irmão, Afonso de Monferrato, é um homem livre!”
As cenas vão ao a nesta segunda, 12 de março.

Confira os resumos dos próximos capítulos de todas as novelas

Comentário

Veja também